quinta-feira, 6 de outubro de 2011

1º Ano Medio - O 4º Poder: A Mídia Global - MEM 1A, MEM 1B e NEM 1a

Uma Nota: Ler e compreender está muito difícil?

Recentes pesquisas nacionais e internacionais, como do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Básica (SAEB), do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) e do Programa Internacional de Avaliação dos Estudantes (PISA), revelam o baixíssimo nível de compreensão, interpretação e reflexão dos alunos do Ensino Fundamental e Médio. Nos exames de acesso à universidade a situação não é muito diferente.

A incapacidade de leitura para além dos códigos lingüísticos dos alunos, sejam eles de escolas públicas ou privadas, tem sido objeto de reflexão dos educadores brasileiros para identificar as causas e encontrar caminhos para alteração desta realidade. Não são poucos os especialistas que apontam as fragilidades do sistema educacional do país, tais como: superficialidade, excesso de conteúdo e pouco cuidado com a linguagem.
O baixo índice de leitura no país, associado à inexistência de bibliotecas públicas em “21,3% dos 5.559 municípios brasileiros” (Bertoletti, 2004, p. 86), atesta a falta de investimento das autoridades para tornar disponível o acesso ao livro no país. Projetos recentes do governo federal, como o: “Fome do Livro”, que pretendem modificar esta realidade, ampliando o acesso e a distribuição do livro no país, ainda têm um longo percurso pela frente, razão pela qual o papel da escola é ainda fundamental na formação de leitores.

A recente pesquisa Retrato da Leitura do Brasil, realizada por Câmara Brasileira do Livro (CBL), Sindicato Nacional dos Editores de Livros (SNEL), Associação Brasileira de Editores de Livros (ABRELIVROS) e Associação Brasileira de Celulose e Papel (BRACELPA), traz um perfil preocupante do leitor brasileiro. Com um universo de 5.503 entrevistas de 40 cidades brasileiras, representando uma população estimada em 86 milhões de pessoas (correspondente a cerca de 40% da população do Brasil), os resultados revelam que 61% dos brasileiros adultos alfabetizados têm pouco ou nenhum contato com os livros. Além disso, de acordo com os dados divulgados pela revista Carta Capital (9/11/2005, p. 22), na Região Sudeste “apenas 7% dos estudantes alcançaram níveis ‘adequados’ de leitura”.

A palavra mídia é uma palavrinha bonita, simpática. Ela, em sua origem grega, não diz quase nada. Mídia são os meios: meios de comunicação. Pronto, acabou. Eles servem para comunicar, o que seria bom, se fosse verdade. Na realidade, a palavrinha simpática esconde que estes meios são de comunicação, sim, mas são direcionadíssimos. Não existe uma mídia que seja puramente mídia, pois ela é o meio para disputar a hegemonia. Para garantir a hegemonia atual ou se contrapor a esta. A mídia tem dono, tem classe e interesses de classe a defender. Estes interesses não são os do povo, obviamente.


A expansão nas últimas décadas de uma nova mídia de alcance global - jornais, rádios, revistas, televisão e, principalmente, a internet - teve uma grande importância para a vida política dos países democráticos e para as relações internacionais. A mídia, ou os meios de comunicação em geral, influencia as eleições e até mesmo os rumos dos governos. Ela quase obriga os políticos a se ocuparem deste ou daquele assunto, inclusive os conflitos militares.

Ao abordar hoje a corrupção, amanhã o aborto, depois o assédio sexual, algum genocídio na África, alguma crise na Europa oriental, etc., a mídia acelera e direciona a vida política, forçando os governos - especialmente nos países desenvolvidos, onde há maior temor e respeito à opinião pública - a tomar decisões rápidas e sobre assuntos cada vez mais complexos.
Na política interna a influência dos meios de comunicação é essencial. Sem o uso da mídia, atualmente, não há outros meios de alcançar e exercer o poder, a não ser em algumas comunidades bem pequenas e onde todos se conhecem. A vitória na eleição, muitas vezes, vem de sua estratégia televisiva: a preocupação com a imagem e não apenas com o discurso.

Desde então há especialistas em imagem que procuram pesquisar o que a população quer ouvir (e o candidato deve dizer exatamente isso), como um político deve se vestir, se comportar, falar, etc. Em vez da ideologia (ser de esquerda ou de direita, por exemplo), o mais importante hoje é a imagem midiática (ou seja, da mídia), a aparência.

Isso tudo foi ampliado pelo desenvolvimento da informática, que possibilitou a tabulação mais rápida das pesquisas de opinião dos eleitores. Essas pesquisas passaram a nortear a estratégia e a mensagem dos políticos, que agora contratam os formadores de imagens e os profissionais da propaganda política.
Mas isso não significa, como pensam alguns, que a mídia faz o que bem entende, impondo suas opções à opinião pública, que seria apenas uma receptora passiva de mensagens midiáticas. Essa visão simplista é incorreta por vários motivos. Em primeiro lugar, as mídias são extremamente diversas, concorrentes e, com freqüência, têm pontos de vista diferentes. Alguns meios de comunicação podem ser a favor de um governo, de determinado partido político, mas sempre existirão vários outros com posição contrária. Em segundo lugar, a opinião pública, pelo menos boa parte dela (notadamente a população mais esclarecida e escolarizada), não é passiva nem aceita tranquilamente qualquer mensagem da mídia. Em terceiro lugar, a enorme influência da mídia não impede a existência de outras formas de transmissão de informações ou de atividade política.
Todavia, é bom deixar claro que a mídia também desempenha um papel positivo, o de divulgar informações, de realizar denúncias (principalmente aquelas verídicas e importantes), e isso é de enorme valia para qualquer sociedade democrática.

Depoimento - Jorge Sabongi

Antigamente, quando assistia aos programas de televisão, acreditava em 100% de tudo o que via. Tudo parecia tão mágico: pessoas bonitas, roupas sempre limpas e novas, cores deslumbrantes, movimentos perfeitos, cenas de sonhos, sem imperfeições. Os artistas tinham uma aura de semideuses.

Na verdade, tudo o que vemos é preparado!

As pessoas são todas maquiadas antes de entrar em cena. O figurino é escolhido, visando combinar cores e ambientes. As cenas são repetidas diversas vezes e, por fim, editadas, montando cada movimento, de forma a parecer sem falhas. As cenas são de um mundo irreal em nosso país, tanto financeiro como na ostentação (visam apenas projeção e identificação); e os artistas não são semideuses, mas sim "eleitos momentâneos". Seu destino a longo prazo, em 90% dos casos, é o anonimato.
Atualmente, após anos de observação e leitura específica, ficou fácil perceber, nitidamente, cada passo dado em algum programa televisivo e o motivo pelo qual ele foi colocado ali. Nem se preocupam em disfarçar mais. E vocês não tenham dúvidas: é tudo preparado sim, principalmente para o seu consumo!

Outros canais da mídia menos potentes, mas também atuantes, caminham junto, como um comboio, amplificando esse efeito da rede Globo e ampliando ainda mais a fogueira de consumo. "O Quarto Poder" deveria ser chamado "O Primeiro", pois atua no inconsciente de toda uma nação. Levanta e derruba instituições. Enaltece ou confina à clandestinidade quem ela desejar.

O volume financeiro que esse grande império catalisa é incalculável. O volume social idem: milhões de pessoas assistem a algo na TV e, no dia seguinte, saem para viver a fantasia do que assistiram. Aderem à moda, ao vocabulário, à identificação, projetam os personagens e, principalmente, COMPRAM.

Para finalizar assista este vídeo:

http://www.youtube.com/watch?v=FMIoEN9eY0g
(copie e cole no seu navegador este link do youtube caso o link não te direcione!)

Refletindo Sobre o Video: Alguns autores dizem que a mídia seria hoje um quarto poder. Discuta essa idéia, mostrando o poder atual da mídia e também os seus limites tomando com base o conteúdo do vídeo.

Pensando sobre o Texto:
1) Elabore um comentário explicando com suas palavras por que a leitura e interpretação de textos no Brasil é tão caótica.
2) "A mídia nos influência o tempo todo. Ela tem seus objetivos. Nós, apesar de parecermos incapazes, podemos combater, ou ao menos, mnimizar este fato".
Debata esta idéia, Justificando os 2 pontos de vista expressos na questão.

29 comentários:

Prof. Marcio Bezerra disse...

Olá Meus (minhas) estimados (as)Alunos (as). Este primeiro comentário é pra salientar algumas dúvidas.
Primeiro: assim q você analisar o vídeo e ler o texto, a sua resposta deverá ser deixada aqui como comentário.
Pode parecer bobo, mas é para os alunos que não conhecem o mecanismo de Blogs. A atividade em si é o comentário com suas respostas para EU avaliar.

Segundo: SEMPRE PONHA NOME, Nº, TURMA.
A identidade visual do dono do post pode ser vista aí embaixo: do google, de outras mídias ou nome mesmo.
Evite postar anônimo. Use o que a internet tem a oferecer - seu perfil de redes sociais

Terceiro: assim que você postar seu comentário não aparecerá de cara.
Ele passa por minha moderação, ou seja, só aparece pra todos lerem se eu aprovar.Portanto, tenha paciência.
Toda vez q eu estiver on line virei aqui pra ver os comentários e disponibilizá-los pra vc ver a sua nota.

Quarto e Ultimo: NÂO HAVERÀ 2ª chance.
Se você não estiver com certeza e vontade de fazer uma resposta bem elaborada e capaz, POSTE EM OUTRA HORA. Isso evitará que você tenha notas baixíssimas e te prejudique na contagem final dos pontos.
Boa sorte e que essa tarefa sirva pra ampliar seus conhecimentos e a manusear diferentes mídias.
Saudações Geográficas a Vocês

Nícolas Kede. disse...

Nícolas Kede,MEM 1A,Nº 44
Não usei de nenhum recurso de pesquisa para responder isso aqui,ao contrário de muitos que podem dar uma resposta genial porém,não vão entender oque estão postando.

Nº1-A deficiência é dada por vários fatores,não vou diflamar o sistema educacional,pois até onde eu vejo,eles tentam fazer sua parte,porém,quem deveria absorver isso tudo,às vezes,não se importa muito com oque é dado na sala de aula,o caos na leitura e interpretação de textos é simplismente dada pela falta de hábito das pessoas de ler,pois eu quase nunca ouço "estou lendo um livro muito bom,até te indico." ou "cara,li um livro muito legal,o enredo prende cada vez mais o leitor à história" e sim ouço "que droga,esse livro tem quantas páginas?" e quando você pergunta se a pessoa lê,ela responde "leio,mas por obrigação na escola",pra você ver,a escola até tenta introduzir o hábito da leitura,mas nem assim as pessoas o criam.O problema da interpretação,não é só dada pela falta do hábito da leitura,mas também pela preguiça de raciocinar,pois as palavras não estão ali atoa,elas estão ali pois possuem um sentido e cabe aos leitores "desvender o mistério" lendo e entendendo oque está ali escrito.


Concluindo:o problema todo está nas pessoas,pois elas não tem o hábito de ler e preguiça de pensar,assim tendo uma leitura ruim e uma interpretação pior ainda.




Nº2-A mídia está ai para nos transmitir cultura,informações,saber,etc.Porém,você não é obrigado à seguir tudo que está ali,o papel dela é esse,persuadir o interlocutor,faze-lo agir como ali está,tornando-o alienado,as massas dividem-se em 2 em relação a isso:

As pessoas que simplismente seguem tudo que é ali imposto,padrões de comportamento,moda,cabelos,etc.

As pessoas que simplismente acham ridículo ser um clone do protagonista da novela das oito e ignoram tudo que é ali imposto.

A mídia pode influenciar,mas só quem se deixar levar,esse é o papel dela,o ganha pão das pessoas envolvidas,se não fosse assim,de que serviriam os publicitários?Para nada,claro,pois oque eles fazem é utilizar da linguagem tanto verbal como não verbal para persuadir o interlocutor fazendo o aderir a uma causa,comprar um produto,e muitas outras coisas.

Concluindo a segunda questão:Eu não tiro a razão da mídia,pois eles estão ali ganhando o dinheiro deles e a única forma de melhorar isso tudo,é ignorando,pois nunca uma empresa de tv vai fechar,devido aos milhões ali envolvidos,então não há forma de "minimizar",ou você assiste tv,segue tudo e vira um alienado total,ou você pensa por si próprio e ignora tudo que é ali imposto.

Anônimo disse...

Nome:Edivânia Bragança Mendonça
Turma:MEM1A
nº.16

Refletindo sobre o vídeo: Alguns autores dizem que a mídia seria hoje um quarto poder. Discuta essa idéia, mostrando o poder atual da mídia e também os seus limites tomando com base o conteúdo do vídeo.

Com certeza a mídia é hoje um quarto poder. Mídia como todos sabem são os meios de comunicação em geral, mas o que poucos sabem e que essa palavrinha aparentemente inocente, manipula a maioria da população universal. A mídia tem hoje um grande poder de manipulação, ou seja, ela é o “instrumento” de manipulação mais utilizada em todo o mundo, ora pela internet, ora pela televisão, ora pelo rádio e etc., mas a mídia ela não simplesmente manipula a opinião das pessoas para o que é certo,e sim, ela faz com que as pessoas pensem no que for melhor para os que a mantêm com o maior capital. Como deu para notar a mídia tem um grande poder sobre seus espectadores, mas será que ela tem limite?A resposta é sim, o limite da mídia e você quem dá, não acreditando em todas as “Verdades” nela publicada, mas sim na verdadeira verdade aquela que você pesquisou e concluiu aquela que você deixou a negligência de lado e pesquisou em fontes diferentes para obter a resposta, ou seja, teoricamente a mídia não tem limite, mas na pratica e você quem define o limite para a Mídia.

1)Elabore um comentário explicando com suas palavras por que a leitura e interpretação de textos no Brasil é tão caótica.
No Brasil a Leitura e interpretação de textos esta tão caótica, pois os alunos e pessoas em geral não se importam mais com a escrita, talvez você pense: “e daí”, TUDO. Quem não escreve simplesmente não lê e quem não lê não consegue interpretar os textos, ou seja, a alta deficiência da leitura e da interpretação de textos, esta intimamente relacionada com a escrita. E também a leitura e interpretação de textos esta tão caótica no Brasil, pelo fato de não haver incentivo (muitas vezes dos educadores) em literaturas infanto-juvenis, pois a maioria dos pré – adolescentes e adolescentes não querem ler livros como os indicados pelos educadores (Exemplo: O alienista, de Machado de Assis, livro do século passado, com uma linguagem totalmente formal) eles querem ler literaturas que façam parte de sua vida que mostre situações que tenham vivido e que seja típica da idade, livros com uma linguagem juvenil, coloquial.

2) "A mídia nos influência o tempo todo. Ela tem seus objetivos. Nós, apesar de parecermos incapazes, podemos combater, ou ao menos, minimizar este fato".
Debata esta idéia, Justificando os 2 pontos de vista expressos na questão.

Bom, a mídia nos influencia a todo o momento, pois temos diariamente contato com ela, seja por meio da internet, rádio ou mesmo televisão, e ela sempre com suas publicidades acaba conseguindo convencer a maioria das pessoas de que o que ela fala e “o melhor” e “o certo” o que nem sempre (quase nunca) é verdade, mas e assim que ela acaba alcançando seus objetivos, influenciando pessoas, que por negligencia deixam se levar pela moda que e lançada pela mídia (ai esta o que ela mais lança, quero dizer praticamente a única coisa que a mídia lança: a roupa da moda, o carro da moda, até as cores da moda!). E realmente a única forma de combater ou minimizar o efeito da mídia sobre as pessoas, e por meio de pesquisas na internet, ou mesmo em sua consciência, por exemplo, não se deixe levar por uma noticia que você leu em um único jornal, site, etc. , pesquise para saber se a noticia e verídica, mas se o caso for de moda pare e pense, você realmente precisa do que você viu na televisão e achou lindo?, Ou só quer comprar, pois “a mídia disse que esta na moda”? Como diz a questão parece que somos incapazes de lutar contra o seu controle, mas não somos, pois a mídia só lança um produto e continua com sua publicidade se você aprova, e aí a sua chance de minimizar o fato de ser influenciado pela mídia.

Prof. Marcio Bezerra disse...

Nome:Edivânia Bragança Mendonça Turma: MEM 1A nº.16
e
Nícolas Kede,MEM 1A,Nº 44


Seus comentários sobre o video e as questões foram excelentes!
Nada a corrigir ou retocar.
Nota: 2,5 para ambos

Anônimo disse...

Nome : Gerdan Alves / Nº: 22 /Mem1A


Sobre o vídeo: Alguns autores dizem que a mídia seria hoje um quarto poder. Discuta essa idéia, mostrando o poder atual da mídia e também os seus limites tomando com base o conteúdo do vídeo.

Com certeza a mídia é hoje um quarto poder. Mídia como todos sabem são os meios de comunicação em geral, mas o que poucos sabem e que essa palavrinha aparentemente inocente, manipula a maioria da população universal. A mídia tem hoje um grande poder de manipulação, ou seja, ela é o “instrumento” de manipulação mais utilizada em todo o mundo, ora pela internet, ora pela televisão, ora pelo rádio e etc., mas a mídia ela não simplesmente manipula a opinião das pessoas para o que é certo,e sim, ela faz com que as pessoas pensem no que for melhor para os que a mantêm com o maior capital.
1-A deficiência é dada por vários fatores,não vou diflamar o sistema educacional,pois até onde eu vejo,eles tentam fazer sua parte,porém,quem deveria absorver isso tudo,às vezes,não se importa muito com oque é dado na sala de aula,o caos na leitura e interpretação de textos é simplismente dada pela falta de hábito das pessoas de ler,pois eu quase nunca ouço "estou lendo um livro muito bom,até te indico." ou "cara,li um livro muito legal,o enredo prende cada vez mais o leitor à história" e sim ouço "que droga,esse livro tem quantas páginas?" e quando você pergunta se a pessoa lê,ela responde "leio,mas por obrigação na escola",pra você ver,a escola até tenta introduzir o hábito da leitura,mas nem assim as pessoas o criam.

2 "A mídia nos influência o tempo todo. Ela tem seus objetivos. Nós, apesar de parecermos incapazes, podemos combater, ou ao menos, minimizar este fato".
Debata esta idéia, Justificando os 2 pontos de vista expressos na questão.

Bom, a mídia nos influencia a todo o momento, pois temos diariamente contato com ela, seja por meio da internet, rádio ou mesmo televisão, e ela sempre com suas publicidades acaba conseguindo convencer a maioria das pessoas de que o que ela fala e “o melhor” e “o certo” o que nem sempre (quase nunca) é verdade, mas e assim que ela acaba alcançando seus objetivos, influenciando pessoas, que por negligencia deixam se levar pela moda que e lançada pela mídia (ai esta o que ela mais lança, quero dizer praticamente a única coisa que a mídia lança: a roupa da moda, o carro da moda, até as cores da moda!). E realmente a única forma de combater ou minimizar o efeito da mídia sobre as pessoas, e por meio de pesquisas na internet, ou mesmo em sua consciência, por exemplo, não se deixe levar por uma noticia que você leu em um único jornal, site, etc.

Prof. Marcio Bezerra disse...

Gerdan Alves / Nº:22 /MEM 1A

Seu comentário sobre o video e as questões FORAM UMA COMPILAÇÂO - ou seja uma reunião das respostas dos textos da edivânia e do nicolas com 2 ou 3 palavras trocadas.

ISSO GERA 3 TRANSGRESSÕES:
1º - É plágio
2º - As perguntas são muito claras: DISCUTA; ELABORE um comentário E DEBATA - ou seja, todos esse verbos exigem um texto próprio, são redações na verdade, logo, é IMPOSSÍVEL um texto ser igual ao outro. Pois é fruto de sua compreensão pessoal e forma de opinar tbm pessoal.
3º - Está expressamente escrito na página inicial do blog que qualquer caso em q EU JULGASSE PLÁGIO o aluno/ aluna seria penalizado.

por isso sua nota: é ZERO!

Jerfeson Guerra disse...

Nome: Jerfeson Guerra
N°: 20
Turma: MEM 1B

1- É muito fácil botar a culpa no governo, dizer que eles não melhoram nossas escolas e que os alunos cada vez mais vêm se perdendo no crime. Mas será mesmo? Acho que isso é preguiça por parte dos estudantes, se eles quisessem realmente aprender, buscar um futuro melhor e se desenvolver socialmente e intelectualmente eles fariam por onde, buscariam um livro para ler, descobrir, questionar...
Os atos de ler e interpretar são um processo, não se aprende da noite para o dia. “Mas os professores de hoje em dia não ensinam direito, não ligam para os alunos, não sabem lidar com eles!”, quantas vezes já ouvi isso, não é o professor que faz o aluno, e nem a escola, mas o aluno é o que forma os dois. As pessoas de hoje em dia são preguiçosas, sedentárias e não querem saber disso, prefere uma televisão, uma internet, mas um livro jamais! Resumindo tudo isso, a leitura e interpretação é tão caótica no Brasil porque o povo brasileiro é preguiçoso e não encontra motivos o suficiente para ler, por isso, deixam de lado e não se preocupam com isso. Ler desenvolve a escrita, e a escrita o impulsiona a ler, mas cada vez mais, pessoas vêm se restringindo a recadinhos de Facebook e Twitter.

2- Sim, a mídia é um quarto poder, mas como não se influenciar pela mídia? Impossível! Estamos vivendo num mundo onde a informação nos cerca o tempo todo, na televisão, na internet, no celular, nos outdoors, nos jornais e revistas, em tudo. Então, não há como fugir da informação, mesmo que ela seja inútil para sua vida.
Acho que existem duas principais fontes de informação que hoje em dia que influencia mais o povo do que os outros meios de comunicação, a televisão e a internet. Devemos prestar atenção no que estamos ouvindo, vendo e concluindo, porque a mídia muda facilmente a informação para encaixar nos parâmetros que ela deseja, transformando uma noticia normal, numa forma de beneficiá-la sem que perceba, então, buscar outras fontes de informação é crucial para não ser manipulado pela mídia enganadora. Não digo para deixar de ver televisão e utilizar a internet, mesmo se dissesse, é impossível, mas tomar cuidado e tomar algumas precauções sempre são bons para você aproveitar ao máximo o que a internet, a televisão, os jornais, sem que você se prejudique com tal informação.

Fernando Teixeira disse...

Aluno:FERNANDO TEIXEIRA Nº10
1ºAntigamente as pessoas sabiam oque estavam lendo pois quando encontravão algumas palavras diferentes elas pesquisavam o significado e nos dias atuais algumas pessoas(a maioria delas)não se preocupam em buscar o conhecimento de palavras diferentes que de certa forma acaba gerando uma preguiça.
É por isso que nos dias de hoje esta cada vez mais difícil de arranjar um bom emprego pois quando fazemos alguma prova para concurço como ENEM oque tem mais peso é a redação,sem saber interpretar o texto você não consegue elaborar um bom texto.
2º Infelizmente a midia tem um forte poder nos dias de hoje seja ela televisão ou radio elas só botam no ar oque realmente importa pra elas normalmente as notícias passam por um certo procedimento (edição)onde elas são editadas,desta forma só vai ao ar oque eles querem passar na maioria das vezes as emissoras de televisão a maior parte delas cortão relatos ou depoimentos que seria do fato ocorrido e só vai ao ar como eu já disse oque realmente importa para eles e infelizmente a mídia esta cada vez mais censurada(só colocam oque eles realmente querem).E também mais presente na nossa vida como na moda,lazer,entreterimento etc

Anônimo disse...

ALUNO:Luis Antonio V N:34
TURMA:MEM 1A

1)O brasil nao tem um alto indice de leitura isto esta associado a inexistecia de bibliotecas e tambem a fragilidade do sistema educacional. Nós brasileiros nao temos o costume de ler, mas como sabemos a leitura e muito importante na formaçao de uma pessoa.O habito de ler isto seria muito se fossem aplicadas em escolas pois assim os alunos leriam mais e teriam maiores noçoes das coisas alguns nao leem por falta de tempo e outros por preguiça.

2) A midia pode falar sobre muitas coisas tanto bem quanto mal, elas nos fornecem informaçoes ao tempo todo e por isso ficamos muito dependentes da midia.Toda hora temos contato com midia seja por meio da internet,radio ,tv.Sempre acreditamos no que a midia fala sempre nos deixamos nos levar pela a informaçao mas nem sempre e verdade.E um dos jeitos de se combater a midia e saber se a informaçao e verdadeira.a midia muitas vezes tambem determinam um padrao de vida por exemplo:o jeito de se vestir, a maneira de falar ,os costumes entre outros e isso que tambem tem que se combater pois nao somos obrigados a estar sempre mudando.

Gabrieli Mello disse...

nome:Gabrieli Mello n°20 mem1a

Refletindo Sobre o Video:Como é ressaltado no texto e reforçado no video a mídia seria um 4° poder mas com tanta eficacia e influência podemos assim dizer que a mídia é o principal poder sendo capaz de formar/mudar opiniões,informar de maneira correta ou nao ,a verdade é que a mídia é um meio de comunicação e disso nao há como escapar pois informação é essencial para sobrevivência ,conhecimento sobre os fatos e o mundo onde vivemos mas o mais importante é que: sim devemos nos informar e é através da mídia que isso é possível mas é preciso cautela pois nem tudo é oque realmente parece! a própria mídia é enganosa por isso é preciso pesquisar para não acabar sendo lesado (influenciado )pela mídia.

n°1 : na minha opinião primeiro de tudo é importante a prática da leitura para que se adquira conhecimento e intimidade com o mundo da leitura ,para que seja possivel a interpreção correta .
isso resolveria boa parte do problema que as pessoas tem ,essa dificuldadede entender e principalmente preguiça ,lendo você conhece novas palavras ,aprende o significado delas,uso ,adquirindo muito conhecimento! se fosse aderida como prática traria muitos beneficios.

n°2: apesar da importancia da midia na nossa vida ,acho importante tentarmos ao máximo nao nos influenciar acreditando em tudo vimos ,temos que ter opiniao propria acima de tudo , segundo : proucurar nos informar sobre o que vemos ,a procedência dos fatos ,oque realmente é verdade ? oque realmente vale a pena saber ? dessa maneira é possivel estabelecer uma relação saudavel com as informaçoes que obtemos ,nao vivendo totalmente por meio da mídia .

beijo prof *-*

Prof. Marcio Bezerra disse...

JERFESON GUERRA - MEM 1B N°20
Seu comentário sobre o video e as questões foram excepcionais! Até agora o melhor post que recebi de todas as minhas turmas!!
Nada a corrigir ou retocar.
NOTA: 2,5 + Ponto Bonus: 0,5
Total 30.

FERNANDO TEIXEIRA Nº10
2 coisinhas fernando:
1º) "...que estavam lendo pois quando ENCONTRAVÃO algumas palavras diferentes..."
o certo é ENCONTRAVAM. preterito imperfeito do indicativo.
2º) "... Pois quando fazemos alguma prova para CONCURÇO como ENEM..."
o certo é concurso. com S.
Tirando esses 2 erros ortográficos...
Seu comentário sobre as questões foram excelentes!
Mas, senti falta da abordagem do tema do vídeo. Ou se o fez, o fez muito superficialmente.
Minha Ressalva ao trabalho.
NOTA: 2,1

LUIS ANTONIO V. - MEM 1A N:34
Seu comentário sobre as questões foram excelentes!
Mas, senti falta da abordagem do tema do vídeo. Ou se o fez, o fez muito superficialmente.
Minha Ressalva ao trabalho.
NOTA: 2,1

GABRIELLI MELLO - MEM 1A N°20
Seu comentário sobre o video e as questões foram excelentes!
Nada a corrigir ou retocar.
Bjs pra vc tbm filé!! ☺☺ rsrs
NOTA: 2,5

PedroSanttos disse...

Pedro Santos
/ Nº 34 / Turma MEM1B /

1ª HOJE EM DIA OS ADOLESCENTES ESTÃO MUITO ENVOLVIDOS COM APARELHOS ELETRÔNICOS DENTRO DE SALA DE AULA. ESSAS COISAS QUE TIRAM O FOCO DESSES ALUNOS QUE JA NÃO QUEREM NADA, ALGUNS TERMINAM O ENSINO MÉDIO, MAS SENTEM MUITA DIFICULDADE DE INTERPRETAR UM PEQUENO TEXTO.
POR PARTE DO GOVERNO EU ACHO QUE ESTÁ MAIS OU MENOS NO INVESTIMENTO. POR QUE FALTA MUITO DO ESFORÇO DOS ESTUDANTES, SÃO POUCOS QUE SI INTEREÇÃO NO APRENDIZADO, SÃO POUCOS AQUELES QUE TEM O HÁBITO DE LEITURA, OS QUE PEGAM O CADERNO EM CASA PRA DAR UMA PINCELADA NO QUE FOI PASSADO NA ESCOLA.
COM EDUCAÇÃO QUE ESTÁ SENDO UTILIZADA HOJE EM DIA NAS ESCOLAS TANTO PUBLICAS QUANTO PARTICULARES SI O ALUNO QUISER MESMO APRENDER E SI ESFORÇAR ELE VAI MUITO ALÉM.

2ª PENSANDO BEM, A MÍDIA É UM QUARTO PODER SIM.
A MÍDIA NO CASO SERIA ( MEIO DE COMUNICAÇÃO ), COMO EU SERIA CONHECIDO OU CONSEGUIRIA PASSAR MINHA IMAGEM PARA '' O MUNDO '' SEM O USO DA MÍDIA? NÃO TERIA COMO, EU ESTARIA USUFLUINDO DA MÍDIA SEM SABER. MAS A MÍDIA FARIA PARTE DA MINHA VIDA E DO MEU TRABALHO.
OS MEIOS DE COMUNICAÇÕES MAIS UTILIZADOS HOJE EM DIA SÃO A TELEVISÃO E A INTERNET. O MUNDO TODO GIRA EM TORNO DA INTERNET E DA TELEVISÃO, MUITAS COISAS QUE PASSAM NA TELEVISÃO INDEPENDENTE DO QUE SEJA, TODO MUNDO ACREDITA SO POR QUE ESTÁ ALI NA TV OU EM UMA PÁGINA DE INTERNET.

Anônimo disse...

Nome: Christian Sedano
Nº:7
Turma: MEM 1B

1- As pessoas na verdade estão é com preguiça.O governo tem sim a responsabilidade de melhorar a cada dia mais o ensino,mas cabe aos estudantes o esforço,ter a vontade de aprender.
Se a leitura e a interpretação fossem realmente um interesse das pessoas, elas iriam correr atrás,buscar uma fonte saudável de informação.No caso,um livro!
A leitura e a interpretação são duas coisas que levam um certo tempo para se desenvolver,mesmo com esforço.Mas as pessoas são preguiçosas,buscam fontes de informação e de conhecimento rápidas.
A leitura e interpretação é caótica no Brasil por causa da "preguiça",as pessoas não se incomodam em buscar algo novo em um livro,em questionar.Preferem apenas utilizar as folhas de um livro para acender uma fogueira ao invés de lê-las.

2- A mídia é sim um quarto poder.Vemos a mídia em todo lugar: celular,revistas,jornais,televisão,internet,etc.
Ela nos beneficia de várias maneiras, principalmente nos informando tudo que acontece no dia-a-dia. Fazendo assim como que muito mais pessoas a utilizem.Algumas pessoas acham que não são influenciadas pela mídia,na verdade são sim! Nós a ouvimos,vemos e a conhecemos a cada dia mais,sem notarmos.
A internet e a televisão são os meios de comunicação que mais nos influenciam.A mídia nos bombardeia com informações, que em muitas das vezes não nos interessa,esse é o seu (mídia) objetivo.Por isso, temos que ter cuidado com o que estamos vendo,lendo e ouvindo,porque a mídia muda rapidamente, para dessa forma,agradá-la e beneficiá-la sem que as pessoas percebam. Os meios de comunicação e informação são sim um benefício muito bom na vida das pessoas.Mas devemos usá-los com cuidado,sempre refletindo no que se irá fazer,para que esses meios possam nos auxiliar na vida,e não apenas nos manipular.

Thuany Guimarães disse...

1)A fragilidade do sistema de ensino e o descaso do governo com a leitura são problemas alarmantes no Brasil mas do que adiantaria toda uma estrutura apoiando a leitura e a interpretação de texto se as pessoas não se interessassem, o fato é que o povo Brasileiro não tem o costume de ler e não irá adquirir assim de uma hora para outra.
Nas gerações antes da nossa as pessoas foram criadas para serem práticas, ou seja, aprender uma profissão e exercer ela trabalhando para alguém, ler não estava incluído nesse processo e isso foi passando por gerações.
O brasileiro não irá ler a menos que ache motivos e argumentos suficientes para isso.

2)Não há como não se influenciar pela mídia ela está em todo lugar e é uma Hegemonia ou " o Quarto poder", a mídia hoje em dia não mais se preocupa tanto em noticiar a verdade dos fatos, ela quer defender seus pontos de vista e de seus colaboradores. Não que 100% do que sai na mídia seja mentira,mas temos que tomar cuidado, pesquisar, debater, pois a grande maioria da população (A menos instruída) vai acreditar sem balbuciar em tudo o que a mídia publicar,ora por falta de instrução ora por acomodamento,os motivos são os vários o fato é que a mídia tem seus objetivos e argumentos para alcança-los cabe a você se vai "comprar" ou não .

Roger Moreira disse...

NOME: ROGER MOREIRA; N°48; MEM1A

Refletindo sobre o conteudo do video: O video mostra muitas verdades que a maiori das pessos nao consegue ver/entender. A midia ,sobretudo, pode ser uma forma de nos conectarmos ao mundo nos dando informação, mas, apesar disso tudo ela tbm pode dar informações erradas, por isso é sempre bom nós compararmos, debatermos informações para q assim esteja correto. A midia tambem tem o poder de manipular a mente das pessoas, como foi dito no video a guerra entre EUA e Russia, fizeram um filme onde os EUA sai como "mocinho" da historia emnquanto a Russia sai como o "bandido" da historia.

1°) A leitura no Brasil: O Brasil é um pais onde a maioria das pessos nao se importam em ler um livro, porque a maioria das informções estão na televisao, mas mesmo assim eles nao ligam, preferem ver outros programas como, filmes, desenhos e principalmente novelas. A interpretação de Textos entre os adolescentes esta muito baixa, a maioria nao se importam em ler, pois acham melhor ficar na rua ou no computador deixando de ler.

2°) A midia nos manipula de diversas formas fazendo com q acreditemos em coisas absurdas, temos q ter o minimo de conciencia e temtar refletir sobre o assunto nao deixar de ter nossa opnião particular sobre o assunto em questão.

Concluindo, na minha opnião, eu acho que se nós questionarmos, pesquisarmos, debatermos sobre o assunto eu axo que nos o não seriamos tao influenciados pela midia.

N° 9 Aluno: Bruno Menezes disse...

Aluno: Bruno Menezes
Número: 09






Numero 01 - Elabore um comentário explicando com suas palavras por que a leitura e interpretação de textos no Brasil é tão caótica :

Os brasileiros estão perdendo o habito de ler, uma das atitudes mais importante para o desenvolvimento do cérebro. É pela falta desse habito que Leitura e a interpretação se tornam tão caótica.
Sem a leitura o que aprendemos geralmente vai se apagando com o tempo , principalmente assuntos ligados a matérias escolares como historia, geografia, biologia e português e através da leitura os assuntos podem se fixar de forma mais simples transformando informação em conhecimento, que afinal e o que levamos para nossas vidas o conhecimento.

Numero 02 - "A mídia nos influência o tempo todo. Ela tem seus objetivos. Nós, apesar de parecermos incapazes, podemos combater, ou ao menos, minimizar este fato".
Debata esta ideia, Justificando os 2 pontos de vista expressos na questão.


A mídia esta presente na vida de todos, na televisão, no computador, nas revistas e nos Jornais. Sua utilidade Principal e transmitir o que se passa pelo mundo [Moda , Noticias, etc], mais uma parte do sociedade vê isso com regras que devem ser seguidas, como por exemplo, só porque a protagonista da Disney usa um tipo de roupa o resto do mundo não e obrigado a usar, se você copiar tudo o que vê na televisão estará perdendo seu estilo próprio, se tornando um “pouser”, uma pessoa sem opinião, que só segue as modinha que as revistas adolescentes escrevem.
Tenha opinião própria, escute o que te dar prazer em ouvir, vista que te deixe confortável, você não veio ao mundo para ser igual ao resto da sociedade.
Mais não acredito que a mídia seja culpada por essas pessoas que sigam ela, ela te abre o leque com as duas opções:
- Use o que gosta
- Use o que esta na moda

E o trabalho da mídia nos dar essas opções, mais vai da sua cabeça, seguir a que mais te favorece.

Anônimo disse...

MARCIO DE MELO N:36 MEM1A



SOBRE O VIDEO NA MINHA OPINIÃO SERIA UM DOS PODERES COM MAIS OBJETIVIDADE E POR ISSO NA MINHA OPINIÃO A MÍDIA É UM DOS MAIS IMPORTANTES PODERES , MANIPULANDO AS PESSOAS DE CERTAS FORMAS , PARA FALAR A VERDADE A MÍDIA É UM DAS INFORÇÕES MAIS INFLUENTES DO MUNDO E ENQUANTO HOVER MÍDIA SEMPRE HAVERA INFLUENCIA QUERENDO OU NÃO

1)O BRASIL NÃO TEM UM HABITO DE LER FREQUENTIMENTE ISTO ESTA OCORRENDO PORQUE A EDUCAÇÃO ESTA CADA VEZ MAIS COMPROMETIDA E POR TER AUSENCIA DE BIBLIOTECAS E PROFESSORES EIM CERTAS ESCOLAS . COMO JA DISSE NOS BRASILEIRO NÃO TEMOS O HABITO DE LER FREQUENTIMENTE MAIS N DEIXAMOS DE SABER QUE A LEITURA É MUITO IMPORTANTE PARA A NOSSA VIDA E PARA A FORMAÇÃO DE UM FUTURO BOM PARA O BRASIL NA MINHA OPINIÃO PARA RESOLVER O PROBLEMA ERA SE DEDICAR MAIS NA LEITURA ENVESTI MAIS NA LEITURA NO BRASIL E NOIS JOVENS BRASILEIROS POIS TODOS OS JOVENS SÃO O FUTURO DO BRASIL

2)MINHA OPINIÃO É QUE APESAR DA MÍDIA NOS INFLUENCIAR MUITO , ACHO QUE NÃO DEVIAMOS NOS INFLUENCIA POR QUALQUER COISA QUE VISSEMOS TEMOS QUE TER OPINIÃO PROPIA SOBRE CERTOS TIPO DE COISAS OU SEJA PREUCURAR VE O VERDADEIRO FATO DAS COISAS NÃO NOS INFLUENCIA POR QUALQUER COISA QUE VIMOS EU ACHO QUE É POSSIVEL CONVIVER COM A MÍDIA N VIVENDO TOTALMENTE ELA .

CORRIGE COM CARINHO PROFESSOR :D ;)

Thais Lima disse...

Thaís Lima, n° 53 - MEM1A.

1) Hoje em dia ocupamos nosso tempo com futilidades, coisas tão pequenas mas que, por um instante, nos fazem muito bem, como por exemplo, ir numa balada com os amigos, passar horas no facebook. E não percebemos que isso está, cada vez mais, atrapalhando nossa formação. Perdemos tempo com todas essas coisas, quando na verdade deveríamos estar lendo, pesquisando, aprendendo! Não sei se por culpa do governo, dos professores ou dos alunos, mas o fato é que o ensino no Brasil está cada vez pior. O governo busca seus interesses próprios, alguns professores querem saber apenas do seu salário no fim do mês e os alunos estão cada vez mais desinteressados. Assim, meus caros, não chegaremos a lugar nenhum!
Quem não gosta de Facebook ou um Twitter? É claro que gostamos, mas não são eles que vão fazer nosso futuro! A leitura é a base de tudo, é a porta de entrada para uma vida bem sucedida.

2)Não há como combater este fato, a mídia está aí justamente para nos fazer acreditar nela, é esse o seu papel. E não é tão simples, existe milhares de pessoas envolvidas nisso, muita gente que sabe o que ta fazendo, que estão ali justamente para nos convencer, porque é disso que elas sobrevivem. Mas enfim, precisamos dos meios de comunicação para a nossa formação, precisamos de todas aquelas informações. E aí? Você me diz o que? Pra eu virar as costas pra tudo isso, e viver apenas com a minha opnião. Claro que não, sabedoria é saber lidar e compreender as opniões de todos, sem que elas influenciem a sua.

Prof. Marcio Bezerra disse...

PEDRO SANTOS - MEM 1B Nº34
2 coisinhas Pedro:
1º) "...SÃO POUCOS QUE SI INTEREÇÃO NO APRENDIZADO..."
o certo é INTERESSAM. 2 S!

2º) "... EU ESTARIA USUFLUINDO DA MÍDIA SEM SABER..."
o certo é USUFRUINDO.

Tirando esses erros ortográficos; Seu comentário sobre as questões foram excelentes!
Mas, senti falta da abordagem do tema do vídeo. Ou se o fez, o fez muito superficialmente.
Minha Ressalva ao trabalho.
NOTA: 2,1

CHRISTIAN SEDANO - MEM 1B Nº7
Seu comentário sobre as questões foram excepcionais. Mas, senti falta da abordagem do tema do vídeo. Ou se o fez, o fez superficialmente.
Minha única Ressalva ao trabalho.
NOTA: 2,3

THUANY GUIMARAES - MEM 1B - Nº?
Seu comentário sobre as questões foram excelentes!
Mas, senti falta da abordagem do tema do vídeo. Ou se o fez, o fez muito superficialmente.
Minha Ressalva ao trabalho.
NOTA: 2,1

ROGER MOREIRA - MEM 1A N°48
Seu comentário sobre O Vídeofoi muito bom. Nas questões, principalmente a 2, cabia uma discussão maior. não q esteja errado. Apenas, mais alguns pontos a ser examinados.
Minha única Ressalva ao trabalho.
NOTA: 2,1

BRUNO MENEZES - MEM 1A Nº9
Seu comentário sobre as questões foram excepcionais. Mas, senti falta da abordagem do tema do vídeo. Ou se o fez, o fez superficialmente.
Minha única Ressalva ao trabalho.
NOTA: 2,3

MARCIO DE MELO N:36 MEM1A
2 coisinhas marcio:
1º) "... DEDICAR MAIS NA LEITURA ENVESTI MAIS..."
o certo é INvestir.

2º) "... OU SEJA, PREUCURAR VE O VERDADEIRO FATO DAS COISAS..."
o certo é PROcurar e veR

Tirando esses erros ortográficos; Seu comentário sobre o video e as questões foram muito bons!
porém, julgo q na análise do video, poderia desenvolvê-lo melhor.
Minha única Ressalva ao trabalho.
NOTA: 2,3

THAÍS LIMA - MEM 1A N°53
Seu comentário sobre as questões foram excepcionais. Mas, senti falta da abordagem do tema do vídeo. Ou se o fez, o fez superficialmente.
Minha única Ressalva ao trabalho.
NOTA: 2,3

Anônimo disse...

Nome : Caren de Medeiros
Turma : MEM 1B
Nº: 50

1- Os jovens de hoje em dia possuem muitas facilidades para fazerem trabalhos e pesquisas , é só procurar na internet, o que têm deixado a leitura de lado. Muitos jovens também, têm preguiça de ler e interpretar histórias !
Coisas que não se via outrora, o avanço da tecnologia facilitou muitas coisas, mas por um lado não ! Há também um grande problema nas escolas, muitas vezes há livros antigos, com métodos de ensino errados. Livros de matemática onde 2+2 é = a 5.
Nos dias de hoje muitos Governadores não estão nem ai para que os alunos aprendam, dentro das salas de aula. Os próprios professores são obrigados por lei superior a aprovar os alunos mesmo não tendo condição. Em muitas escolas não existe a disciplina de redação, interpretação de texto. Para o analfabetismo acabar é preciso um esforço principalmente das autoridades, SMEC, para que os alunos tenham um incentivo maior do aprendizado. Tanto a leitura quanto a interpretação, são dois grandes fundamentos para garantir um bom futuro para cada cidadão. Sem a leitura, o que você vai poder fazer para ajudar alguém no caminho ? Você vai saber conversar com alguém “ importante” ? Vai saber manter um saudável relacionamento com seus amigos ? Sem a leitura em nossas vidas, não chegamos a lugar nenhum.



2- A mídia é sim uma grande influencia na vida de cada cidadão ! Um dos meios de sermos influenciados são : Internet, rádio, televisão dentre outros...
Se passa um comercial dizendo que a loja inteira está com desconto, tudo na promoção... e aparece logo o que você quer, está barato... o que você vai fazer ?
Qual vai ser sua atitude? Com certeza você vai direto na loja e no final acaba gastando mais do que imaginou !
A mídia influencia ainda mais os jovens ! Se na televisão , numa novela da 8 uma jovem pode ter vários namorados e aos 15 anos ter um filho, porque também não posso fazer o mesmo !? Hoje em dia o que mais vemos é isso, praticamente crianças cuidando de outra criança, por uma falta de responsabilidade, porque a tv incentiva as jovens a manterem relações sexuais, disponibilizando preservativos para jovens dessa idade!
Hoje em dia um jovem desiste de estudar, dizendo que seu futuro será Jogador de Futebol ! Porque pra isso não precisa estudar, não precisa ler... São muitas vezes alguns, analfabetas mas que em sua conta bancaria está lá o salario de R$ 60 milhões...
Enquanto isso, aqueles que estudaram, que se esforçaram bastante, como no caso os bombeiros, que são uns verdadeiros heróis, que põem em risco a própria vida para salvar de outras pessoas, ganham somente R$ 1.950 !
O Brasil nunca irá pra frente enquanto a mídia e a desigualdade social continuarem predominando nos dias de hoje.

Anônimo disse...

Jéssyca J. / n°21 / MEM 1B
Pensando sobre o Texto:

1)A leitura e a interpretação de texto no Brasil é precária pela falta de investimento do governo, disponibilizando bibliotecas com bons livros 24 horas para a população. Porem a população também é culpada, pois não busca seus direitos e acaba jogando toda a culpa no governo. Se cada um fizesse sua parte não estaríamos nesta posição. Para que isso se resolvesse o sistema de educação brasileiro deveria ser reforçado tornando a leitura e a interpretação um hábito para o aluno, fazendo com que o mesmo adquirisse conhecimento e entrasse no mundo da leitura.

2)A mídia tem um forte poder e com isso ela aproveita para mudar ou muitas vezes distorcer algumas notícias, com isso não devemos acreditar em TUDO que ela transmite mas sim prestar atenção e pesquisar em meios de comunicação diversos para saber se a noticia realmente tem uma verdade.

Anônimo disse...

Micaela Farias, nº32, turma MEM 1B.

1) Com o passar dos anos e o crescimento do mundo da informatica, enfrentamos muitos problemas na aerea da educação pela falta de interesse e investimento em biblotecas ou até mesmo em lugares feitos para a leitura. Fazendo com que apenas uma parte da população tenha contato dieto com os livros literarios, tendo assim um nivel cultural elevado. Ao inves de deixar nos influenciarmos pela midia de forma negativa, devemos compreender o que é realmente certo seja na politica, na educação e na vida profissional. E assim vemos a midia de forma positiva, formando opiniões corretas e tendo boas informações para um bom desempenho da sociedade. Enfim, podemos concluir que temos antes de mas nada buscar o interesse pela leiruta, então podemos ler e interpretar o texto por mais complicado que seja.
E não adianta tentar se interessar pela leiruta ja adulto, pois o intesse pela leitura vem da infancia.

2) Com o passar dos anos ea tecnologia entendemos que o homem consegue através da midia manipular opiniões, ter vantagens e até mesmo distorcer fatos.
Com isso, podemos sofrer influencias em diversas partes da nossa vida, através das novelas, progamas, noticiarios, etc. Querendo muitas vezes estar na moda, esquecemos que primeiro devemos uma escolha propria e não apenas aparencia do momento, sem nenhum valor cultural ou social.

ramon disse...

ALUNO:RAMON PRIETOS NUMERO:46
TURMA: MEMIA

1- ISTO OCORRE DEVIDO AO ENSINO DE POUCA QUELIDADE DE FICULTANDO O TRABALHO DOS PROFESSORES E TAMBEM A FALTA DE INTERESE DOS ALUNOS DURANTE A AORENDIZAGEM.

2- A MIDIA SÓ PODERA INFLUENCIAR A QUE LAS PESSOAS QUE NÃO PROCURAM A VERIGUAR TUDO INDO ALEM DAS INFORMAÇÕES MUITA DAS VEZES MANIPULADAS POR INTERESES MUITAS VEZES POLITICOS E ECONOMICOS.UM BOM EXEMPLO DE ESTE TIPO DE INCOFORMAÇÃO EO WIKILEGIS.

Anônimo disse...

Aluno: Vitor Ayade, número 55.
MEM1A

1) Elabore um comentário explicando com suas palavras por que a leitura e interpretação de textos no Brasil é tão caótica.
R: Na minha opnião, o problema está todo no 6° pecado capital, a preguiça. A preguiça de ler, de pesquisar, de ouvir e entender o que se fala. É mais fácil dizer: "Ah, esquece mano, eu não vou conseguir entender mesmo" do que dizer: "Não, peraí, deixa eu ler de novo, não é tão complicado assim, uma hora eu consigo", não acham? Pois é, hoje em dia tudo está indo e vindo com muita facilidade, a internet nos traz respostas com muita rapidez. As vezes isso ajuda, salva nossas vidas em trabalhos escolares, mas outras vezes, atrapalha, e muito! Porque é justamente por isso, a rapidez que a internet nos oferece que ficamos com preguiça de pesquisar mais afundo, questionar. Apenas copiamos e colamos e não lemos e interpretamos. A leitura é uma arte que cada vez está sendo menos usada pelos jovens, de 10 adolescente que conheço, 2 praticam o ato da leitura. E sinceremente, não sei onde vamos parar.


2) "A mídia nos influência o tempo todo. Ela tem seus objetivos. Nós, apesar de parecermos incapazes, podemos combater, ou ao menos, mnimizar este fato".
Debata esta idéia, Justificando os 2 pontos de vista expressos na questão.
R: É óbvio que podemos combater esse fato, como? Impondo limites para ela. Ou seja, a mídia tem toda essa repercussão porque as pessoas acreditam em tudo que ela diz. É mais fácil concordar com a opnião já expressa, do que expressar a sua própria opnião, estando ela certa ou não. É óbvio também, que os meios de comunicação são fundamentais para o nosso cotidiano, mas não devemos acreditar em tudo o que vemos na televisão, na internet ou o que ouvimos nas rádios, devemos absorver aquela informação sim, isso é fato, mas devemos ir além... ler, buscar, pesquisar em outras fontes, e não nos deixar influenciar pela opnião dos outros!


Sobre o vídeo:
É tudo o que foi dito na questão de número 2, a mídia tem um poder muito grande sobre nós, mas aí que entra aquela velha história, somos nós que colocamos um ponto final no que queremos, então pronto, se pararmos de nos deixar levar pela mídia, de acreditar em tudo que nela é divulgado, com certeza ela perderá bastante a força que tem. E não posso deixar de ressaltar que a mídia não é muito diferente da gente, afinal, todos nós defendemos nossos próprios interesses.


Valeu Márcio, abraço.

NightOfIce disse...

Hugo Monteiro Bedford - N°17 -Turma MEM1B

Sobre o video: os videos facilitam muito o aprendizado e é um recurso bem mais rapido de ser compreendido.

1- A leitura é tão pouco utilizada por motivos de falta de atenção e pessoas sem vontade e paciencia de ler um texto. Isso faz com que a maioria das pessoas tem essa imensa dificuldade de leitura.

2-primeiro ponto de vista - agente gosta da midia e é realmente influenciado pela midia que ela esta sempre ao nosso redor e cada assunto a ser retratado muda nossa forma de pensar e acaba nos influenciando em agente querer discutir sobre aquilo
segundo ponto de vista - é que agente não precisa deixar nos influenciar pela midia. Se pararmos e analisarmos, podemos fazer o oncontrario daquilo que eles querem.

Thayna Guimaraes disse...

Thayna Guimaraes N:45 MEM1B

1)O problema somos nos, que temos preguiça de ler, de pensar, e do mundo que evoluiu, mas a gente nao evolui com ele. A gente espera que tudo faça pela gente, por isso que muita gente nao sabe a tabuada, abreviam as palavras e depois quando vao fazer testes, provas, vao mal.


2)É claro que podemos minimizar a influencia da mídia, ignorando as propagandas, nao acreditando em tudo que elas anunciam.

Bloco Recreativo Gavião. disse...

Nome: Karen Ambrósio nº 24 - Turma: MEM1B
(Antes tarde do que nunca hehehe)

1) Há dois lados, na realidade, a julgar. Existe o lado do poder público, ou seja, se os governantes de nosso país ao invés de se preocupar com seus carros, viagens, e cargos, poderiam se preocupar na educação pública, no incentivo da leitura em sala de aula, dando sempre ênfase à precariedade da nossa educação – e que não é pouca -. Mas por que existem dois lados? Bom... existe o lado também dos nossos estudantes brasileiros (no caso, nós mesmos). Devido a internet, e muitas outras “coisas maneiras”, que assim chamamos, esquecemos do nosso futuro, sem se conscientizar que daqui há dois, três anos, precisará de um bom emprego. E como disputar com aquele que sempre obteve notas altas, sempre leu, sempre prestou atenção na aula daquele professor “chato” de redação. Então, na minha opinião, existem esses dois lados a ser julgados. Não ponho só a culpa no governo, porquê em um país como o nosso, não é só a falta de leitura e a precariedade da educação que importa. Devemos também lembrar que há a fome, a falta d'água, falta de segurança... Enfim, vários problemas. E também não podemos descartar a possibilidade de sermos culpados, pois nós somos os donos do nosso próprio futuro.

2) Antes de tudo, vou começar com uma básica pergunta: Qual o objetivo da mídia? Em minha concepção, a mídia serve para nos informar o que está acontecendo no mundo. Mas será que ela é verdadeira o suficiente? Bom, logo chegarei na formação de sua resposta, Márcio. Estamos sempre “vidrados” na televisão, na internet, sempre atentos a cada notícia que chega a cada segundo. Ela simplesmente nos prende, nossa atenção fica completamente voltada à notícia. Às vezes, devido ao sensacionalismo, somos manipulados pela mentira da mídia. Mas será possível combater este fato? (ahá, esta é a pergunta). Infelizmente, para mim, acho que não. A mídia precisa de dinheiro. Quanto mais prestamos atenção na notícia que eles dizem que é verdadeira, ficamos mais tempo no canal. E assim, mais dinheiro! E você me pergunta: como assim? Oras, se passarmos mais tempo prestando atenção na notícia, mais audiência o canal terá. Assim, empresas irão querer passar seus comerciais. Logo, mais dinheiro. E é assim que a mídia nos manipula. Ficamos tão atentos a cada palavra que dizem, que esquecemos da realidade.

SOBRE O VÍDEO:
Como eu disse em minha resposta numero 2, a mídia nos controla, sem que nós mesmos percebemos. Mas por que nos deixamos influenciar? Como a mídia é o nosso único meio de comunicação, acreditamos em cada palavra que dizem, prestando atenção a cada informação contida. Não podemos não viver nesse “mundo de informações”. Necessitamos da mídia para sobrevivermos (infelizmente!). Hoje, não há como viver sem a mídia, pois sem informações, não poderemos nos considerar “internautas”, “conectores do mundo”, e coisas assim... Então, infelizmente temos de aceitar a ideia de que o mundo muda a cada dia que passa, e a cada dia que passa estamos nos tornando “cúmplices” da mídia. O que será impossível evitar daqui há 3, 4, 5 anos. Não há limites na mídia, e viveremos sempre a base dela.

Prof. Marcio Bezerra disse...

CAREN DE MEDEIROS - MEM 1B Nº50
Seu comentário sobre as questões foram excepcionais. Mas, senti falta da abordagem do tema do vídeo. Ou se o fez, o fez superficialmente.
Minha única Ressalva ao trabalho.
NOTA: 2,3

JÉSSICA J. - MEM 1B N°21
Cade seu comentário sobre o Vídeo???
Nas questões, cabiam maiores discussões.
Deveria ser bem mais amplo.
Minha Ressalva ao trabalho.
NOTA: 1,4

MICAELA FARIAS - MEM 1B Nº32
Cade seu comentário sobre o Vídeo???
Nas questões, cabiam maiores discussões.
Deveria ser bem mais amplo.
Minha Ressalva ao trabalho.
NOTA: 1,4

RAMON PRIETOS - MEM 1A Nº46
Cade seu comentário sobre o Vídeo???
Nas questões, cabiam maiores discussões.
Deveria ser bem mais amplo.
Minha Ressalva ao trabalho.
NOTA: 1,2

VITOR AYADE - MEM 1A Nº55
Seu comentário sobre o vídeo e as questões foram excelentes!
Nada a corrigir ou retocar.
Abraços vitor!
NOTA: 2,5

HUGO MONTEIRO BEDFORD - MEM 1B N°17
Seu comentário sobre as questões e sobre o vídeo, apesar de não estarem errados, estão muitos curtos. Existiam mais pontos a se analisar.
Minha Ressalva ao Trabalho.
NOTA: 2,1

THAYNA GUIMARAES - MEM 1B Nº45
Cade seu comentário sobre o Vídeo???
Nas questões, cabiam maiores discussões.
Deveria ser bem mais amplo.
Minha Ressalva ao trabalho.
NOTA: 1,1

KAREN AMBRÓSIO - MEM 1B Nº24
Antes TARDE do que nunca não é Karen? rsrsrsrsrsrs
Seu comentário sobre o vídeo e as questões foram excepcionais!
Nada a corrigir ou retocar.
NOTA: 2,5

Prof. Marcio Bezerra disse...

FINALIZADO E ARRUMANDO O PAINEL DE NOTAS DO BLOG - PARA 1º

ANO ENSINO MÉDIO - MEM 1A, MEM 1B E NEM 1a

QUADRO GERAL DE NOTAS PARA O 4º BIM DE 2011:

EDIVANIA BRAGANÇA MENDONÇA - MEM 1A Nº16
NOTA: 2,5

NÍCOLAS KEDE - MEM 1A Nº44
NOTA: 2,5

GERDAN ALVES - MEM 1A - Nº22
NOTA: ZERO

JERFESON GUERRA - MEM 1B N°20
NOTA: 2,5 + Ponto Bonus: 0,5
Total 30

FERNANDO TEIXEIRA - MEM 1B Nº10
NOTA: 2,1

LUIS ANTONIO V. - MEM 1A N:34
NOTA: 2,1

GABRIELLI MELLO - MEM 1A N°20
NOTA: 2,5

PEDRO SANTOS - MEM 1B Nº34
NOTA: 2,1

CHRISTIAN SEDANO - MEM 1B Nº7
NOTA: 2,3

THUANY GUIMARAES - MEM 1B - Nº?
NOTA: 2,1

ROGER MOREIRA - MEM 1A N°48
NOTA: 2,1

BRUNO MENEZES - MEM 1A Nº9
NOTA: 2,3

MARCIO DE MELO - MEM 1 A Nº36
NOTA: 2,3

THAÍS LIMA - MEM 1A N°53
NOTA: 2,3

CAREN DE MEDEIROS - MEM 1B Nº50
NOTA: 2,3

JÉSSICA J. - MEM 1B N°21
NOTA: 1,4

RAMON PRIETOS - MEM 1A Nº46
NOTA: 1,2

VITOR AYADE - MEM 1A Nº55
NOTA: 2,5

HUGO MONTEIRO BEDFORD - MEM 1B N°17
NOTA: 2,1

THAYNA GUIMARAES - MEM 1B Nº45
NOTA: 1,1

KAREN AMBRÓSIO - MEM 1B Nº24
NOTA: 2,5